sábado, 24 de fevereiro de 2018

ARQUITECTURA AO CENTRO #52



REQUALIFICAÇÃO DO CASTELO DE CASTELO NOVO
FUNDÃO, CASTELO NOVO

Luís Miguel Correia, Nelson Mota e Susana Constantino
com Vanda Maldonado
COMOCO Arquitectos
2008

O programa solicitado contemplava, para além da conservação e valorização das estruturas existentes, a adição de uma nova “funcionalidade” ao Castelo, transformando-o num espaço que promovesse a permanência de quem o procura.
A solução não é mais do que um corpo sem um contorno demasiado rígido, por isso orgânico, que não se impõem sobre as estruturas existentes, mas que pelo contrário se sustenta nelas. Este elemento não se pode caracterizar como uma construção referenciável, associada a um pressuposto programático convencional. Se por um lado, ele emerge volumetricamente sobre o Largo do Adro, por outro lado transforma-se em rampa e escadas formalizando um percurso de visita no interior do Castelo.
Com esta proposta no Largo do Adro pretende-se retomar a muralha como uma construção fechada e associar o Castelo com o conjunto de casas e ruas que o envolvem, tornando-o num factor de urbano, que estimula relações mais complexas que estão para além de uma mera funcionalidade. No seu interior desenha-se um percurso de visita que se implanta sobre o traçado das escavações arqueológicas permitindo visualizar as estruturas entretanto a descoberto.
Este percurso culmina na Torre de Menagem onde uma caixa que se introduz no seu interior e que integra o programa complementar. Esta caixa para além de cumprir a funcionalidade desejada vai permitir estabelecer numa cota estável um contacto visual e contemplativo com a paisagem circundante.
Do ponto de vista construtivo deseja-se que este novo corpo seja de natureza diferente das pré-existências. Será executado com base em estruturas leves e simultaneamente reversíveis.

site: comoco.eu

ver mais sobre o projecto:
archdaily.com
archdaily.com.br
archello.com
archello.com
dezeen.com
divisare.com
plataformaarquitectura.cl
ultimasreportagens.com

Sem comentários:

Enviar um comentário